Buscar
  • sheilamanke

Doutor, ouço ruídos de ranger de dentes durante o sono do meu filho, devo me preocupar?

Deve sim, vamos tentar esclarecer o porquê!

A idéia de hoje seria trazer algumas respostas para freqüentes questionamentos na nossa prática clínica diária.

Então vamos lá!

O que significa BRUXISMO?

O ato de apertar, ranger os dentes, segurando ou empurrando a mandíbula, é o que caracteriza esta situação. Ele pode acontecer durante o dia ou durante a noite, o que requer tratamentos diferentes. O bruxismo do sono (BS) é mais comumente associado à infância e tende a diminuir com a idade. O bruxismo que acontece durante o dia é também chamado de bruxismo da vigília (BV).

Quais são as causas?

Muito embora fatores morfológicos já tenham sido considerados como fatores que causam o BS, não existe respaldo na literatura científica para esta associação, estando sim associado ao sistema nervoso central. Pode também estar associado à ansiedade, estresse e depressão, sendo estas condições mais associadas ao BV. Os distúrbios psicológicos e as doenças respiratórias também apresentam uma forte associação ao bruxismo do sono.


Como saber se meu filho apresenta-se acometido por este distúrbio?

Os ruídos gerados pelo ranger dos dentes das crianças é o primeiro sinal de alerta. A dor ou desconforto na região dos músculos da mastigação pela manhã, cefaléia e sensibilidade dentária a alimentos quentes e frios são sintomas que também podem ser identificados pelos pacientes portadores do BS, no entanto, o exame polissonográfico associado à gravação de áudio e de vídeo é considerado o padrão-ouro para o diagnóstico de bruxismo do sono.

É necessário tratamento?

Essa condição pode ou não necessitar de tratamento, uma vez que a qualidade do sono é primordial para o desenvolvimento psíquico e para a aprendizagem da criança ou do adolescente. Assim, uma avaliação clínica bem conduzida poderá ser esclarecedora quanto ao tipo de abordagem terapêutica que será instituída para cada indivíduo. No entanto, é sabido que nenhuma terapia até a presente data é efetiva na cura ou na prevenção do bruxismo, sendo assim, as modalidades terapêuticas unicamente visam controlar e prevenir as conseqüências deletérias do bruxismo às estruturas orofaciais.




SHEILA MANKE

Especialista em Endodontia

Especialista em Ortodontia

Mestranda em Ortodontia

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo